Ficha técnica

  • Ano 2014
  • Quilômetros 35.000 km
  • Tipo Monovolume
  • Motor 1.6
  • Potência 156 hp
  • Transmissão Automática
  • Cor Preto
  • Único dono Sim
  • Tipo de combustível Gasolina
  • Portas 5
  • Quantidade de pessoas : 5
  • Altura : 1434 mm
  • Comprimento : 4292 mm
  • Largura : 1780 mm
  • Distância entre eixos : 2699 mm
  • Válvulas por cilindro : 4
  • Direção : Elétrica
  • Controle de tração : Dianteira
  • Número de velocidades : 7
  • Airbag de cortina
  • Airbag laterais
  • Airbag para motorista e passageiro
  • Alarme
  • Blindado
  • Controle de estabilidade
  • Desembaçador traseiro
  • Faróis anti-nevoeiro
  • Faróis de neblina dianteiros
  • Faróis de neblina traseiros
  • Freios ABS
  • Tração ASR
  • Ar-condicionado
  • Banco motorista com regulagem de altura
  • Banco acompanhante com regulagem de altura
  • Banco traseiro retrátil
  • Computador de bordo
  • Vidros elétricos
  • Controle elétrico para os retrovisores
  • Piloto automático
  • Sensor de chuva
  • Bancos em couro
  • Limpador traseiro
  • Rodas de liga leve
  • Pára-choques na cor do veículo
  • Bagageiro no teto
  • AM/FM
  • Bluetooth
  • Controle remoto para rádio no volante
  • Entrada USB
  • Adaptador para MP3 portátil (i-pod)
Ver a ficha técnica completa

Descrição

MERCEDES BENZ A 200 STYLE 1.6 TURBO 4P GASOLINA 2014, BLINDADA!


Veículo em estado de zero km! Sem nenhum detalhe! Primeira revisão realizadas na Mercedes. Versão com teto solar e diversos outros itens de serie..



BLINDAGEM NÍVEL III - A "QUATTRO" VIDROS AGP B33 SEM DELAMINAÇÕES!!



Recorde de vendas desde o seu lançamento. Melhor custo x benefício da categoria! Conforto, segurança, desempenho e sofisticação em um só veículo.



Baixíssima KM em relação ao ano de fabricação do veículo. Apenas 35.000 KM!! 2º dono!!



Opcionais:

Ar condicionado, Ar quente, Banco com regulagem de altura, Controle automático de velocidade, Desembaçador traseiro, DVD Player, Encosto de cabeça traseiro, Retrovisores elétricos, Sensor de chuva, Sensor de estacionamento, Travas elétricas, Vidros elétricos.



MATÉRIA DE REVISTA ESPECIALIZADA 2014


Em 1997, quando foi lançada a primeira geração do Classe A, a Mercedes-Benz buscava novos consumidores. O modelo representava a porta de entrada na marca e, apostando no prestígio da estrela que ostentava na grade, saiu para sua missão. O que ninguém imaginava é que o primeiro tropeço aconteceria logo na largada.



Submetido ao teste do alce – que simula o desvio de um animal que entra repentinamente na frente do carro, em trânsito -, o Classe A capotava. A Mercedes introduziu o controle de estabilidade e aplicou mudanças na suspensão. Mas já era tarde: o Classe A micou. No Brasil, a minivan foi produzida entre 1999 e 2005.



Os tempos são outros, lá se vão 16 anos da estreia do Classe A. Ele pode não ter deixado um legado, mas é certo que deixou lições para as novas gerações. É chegada a hora de ver se elas foram aprendidas.


Ele continua sendo o modelo menor e mais barato da casa, sua bandeira é o requinte típico dos sedãs da marca e ele ainda “fala” com um público jovem. Mas o Classe A está novo, isso é incontestável.



Ao incorporar a carroceria hatchback, deixou o posto de minivan para o Classe B. Por dentro, tem requinte, mas, diferentemente dos sedãs, aceita carregar detalhes cuja forma se sobrepõe à função. O Classe A está mais atraente aos olhos do público jovem, que há tempos só encontrava opções de compacto premium justamente nas rivais Audi (A3) e, principalmente, BMW (Série 1).



Se coube à Audi inaugurar tal segmento e à BMW atuar rapidamente, criando seu representante, é da Mercedes a missão de ter um modelo combativo a ponto de se tornar o líder da turma.



O Classe A tem duplo desafio: atrair novos clientes e rejuvenescer a imagem da marca. Isso explica seu design arrojado, com vincos capazes de imprimir um atraente jogo de luz e sombra, revelando volumes musculosos. Faróis e lanternas, elementos de importância para determinar o caráter de um automóvel, têm desenho futurista, com superfície multifacetada.



De acordo com a Mercedes- Benz, o desenvolvimento do Classe A dedicou atenção especial à aerodinâmica, o que resultou num índice de arrasto recorde para o segmento, com Cx de 0,27. No Brasil, a princípio, o hatch de 4,29 metros de comprimento – o mesmo que um Fiat Grand Siena – será vendido em duas versões, Style e Urban, de respectivamente 99 900 e 109 900 reais.



Como terão o mesmo conjunto mecânico – motor (M270) 1.6 turbo de 156 cv e câmbio (7G-DCT) automatizado com dupla embreagem e sete marchas -, ambas recebem o mesmo nome de batismo: A 200.



A Mercedes cedeu um A 200 Urban para nossa avaliação. Rodas aro 17, grade frontal com acabamento prateado e cromado, escape com saída dupla, frisos laterais cromados, bancos com couro e tecido, painel de instrumentos com fundo branco e outros pequenos detalhes de acabamento compõem o pacote de itens adicionais à Style.



Os faróis do A 200 Urban também são diferentes, com leds e xenônio. Curiosamente, a versão top perde os faróis de neblina que acompanham a Style.



Na cabine, materiaise acabamento não deixam dúvida: o Classe A é um Mercedes genuíno. Os plásticos, ainda que rígidos, têm tratamento de superfície que agrada a visão e o tato até do mercedeiro mais crítico, o que leva a crer que consumidores estreantes na marca também ficarão plenamente satisfeitos.



Os bancos se destacam: à exceção do traseiro central, todos têm apoio de cabeça incorporado ao encosto. Na dianteira, o efeito de esportividade é nítido: ao perceber o apoio integral, o piloto se sente seguro para uma tocada mais esportiva.



Ar-condicionado, som, direção com assistência elétrica, controles de estabilidade e tração, ABS e sete airbags (frontais, laterais, cortina e de joelho, no lado do motorista) são os itens de série.



Do ponto de vista da ergonomia, destacam-se o câmbio com alavanca seletora à direita da coluna de direção, o volante com teclas de som, computador de bordo e telefonia e a chave do piloto automático e limitador de velocidade, à esquerda.



A possibilidade de ajuste dos principais sistemas do carro ao alcance das mãos aumenta a segurança (o motorista não precisa desviar a atenção da via) e melhora a vida a bordo, uma vez que o console entre os bancos se transforma num múltiplo porta-objetos.



O Classe A é versátil: dócil quando tocado com parcimônia e vivo sob condução quente. É possível ainda selecionar um dos três modos de operação do câmbio (Economy, Sport e Manual) por meio de uma tecla no console.



No primeiro, as marchas são passadas sem que o giro do motor se eleve muito, permitindo ao A atingir baixo nível de consumo: em nosso teste, registrou 12 km/l de gasolina em perímetro urbano e ótimos 19,2 km/l na estrada – o Toyota Prius, híbrido, fez respectivamente 22,2 e 16,7 km/l.


No modo Sport, as trocas acontecem em níveis de rotação (e de adrenalina) mais altos. O Manual é para quem quer administrar o câmbio por conta própria, por meio das borboletas junto ao volante. A calibração da suspensão (mais o arsenal tecnológico) garante contorno de curva sem sustos.



Ainda assim, há boa dose de conforto, uma vez que as irregularidades do piso são bem filtradas, com baixo nível de ruído e vibração invadindo a cabine.



Revisto, o Classe A tem uma nova chance de provar suas qualidades. Seu primeiro (e talvez maior) desafio é encarar o arquirrival Série 1, da BMW. O primeiro round você acompanha a seguir.



NÃO TENHO PREÇO PARA REVENDEDORES! POR FAVOR NÃO PERCAM O NOSSO TEMPO COM PROPOSTAS ABSURDAS! JÁ PEÇO UM PREÇO JUSTO, CONSIDERANDO O ESTADO DO MEU VEÍCULO X VALOR DE MERCADO.



Excelente oportunidade para que procura um veículo Top de Linha, Econômico, Bonito, Confortável, Seguro e principalmente com procedência... SEM "NENHUM" DETALHE!



"NÃO CONSIGO REDUZIR MAIS O VALOR"



" O preço médio desse veículo nos principais sites de comercialização é R$ 96.500,00" (a maioria com maior quilometragem e dificilmente no estado em que o meu se encontra) ..



"NÃO ACEITO TROCAS,NEM IMÓVEIS, CARTAS DE CRÉDITO, ETC...POR FAVOR NÃO INSISTAM! "

Perguntas e respostas

Qual informação você precisa?

Como funciona a reserva? Formas de pagamento

Está com dúvidas?

Estes atalhos ajudarão você a encontrar o que busca.

Pergunte ao vendedor

O veículo está em Planalto Paulista - São Paulo Zona Sul - São Paulo
Ano
2014
Quilômetros
35.000 km

Mercedes-Benz Classe A 1.6 Style Turbo 5p

R$ 93.000 Ver preços de referência

Você ganha 333 Mercado Pontos com sua reserva.

Preços de referência para este veículo

De acordo com os valores de mercado.

35.000 km

Mercedes-Benz | Classe A | 2014

Ver veículos similares

Informação da concessionária

Nome

Bruno Vieira Consultoria

  1. Vermelho
  2. Laranja
  3. Amarelo
  4. Verde claro
  5. Verde

Este vendedor ainda não tem vendas suficientes para ter a reputação calculada.

Telefone

(11) 971506227

Localização do veículo

Planalto Paulista - São Paulo Zona Sul - São Paulo

Ver mais dados deste vendedor

Como funciona a reserva?

Você paga uma parte do preço e fazemos a reserva. Em seguida, você combina com o vendedor o restante do pagamento e a entrega.

Não se preocupe, protegemos seu dinheiro da reserva até que você receba o veículo.

Mais informações sobre a reserva

Meios de pagamento da reserva

Você pode pagá-la em até 12x com Mercado Pago.

Cartões de crédito

Boleto bancário

Mais informações sobre meios de pagamento

Dicas de segurança

  • Reserve o veículo só pelo Mercado Livre. Não reserve com envios ou adição de dinheiro. Gere os seus boletos e não os receba do vendedor.
  • Não pague sem verificar pessoalmente a documentação e o estado do veículo.
  • Verifique se há pendências de multas ou impostos do carro.
  • Ao agendar uma visita, certifique-se da segurança do local.
  • O Mercado Livre e suas afiliadas não são detentoras dos veículos.
  • Não confie em ofertas abaixo do preço de mercado.
  • Veja o nosso guia de preços.
Mais dicas de segurança

Publicidade

Anúncio #1151465989

Denunciar